CEASAMINAS - Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A.
  Contagem, terça-feira, 25 de junho de 2019.

Embrapa Hortaliças celebra 38 anos de contribuições para a olericultura

Um passado de conquistas e o presente marcado por trabalho intenso para seguir contribuindo com o desenvolvimento da olericultura. Essa foi a tônica das falas das autoridades que participaram da cerimônia de comemoração dos 38 anos da Embrapa Hortaliças, realizada em 31 de maio, em Brasília. Ao longo dessas quase quatro décadas, a instituição tem realizado pesquisas científicas para o desenvolvimento eficiente e sustentável da produção de hortaliças. Entre as contribuições de destaque estão o desenvolvimento de mais de 120 cultivares de hortaliças para as condições tropicais.

O presidente da Embrapa, Sebastião Barbosa, que foi o primeiro chefe de pesquisa e desenvolvimento da Embrapa Hortaliças, lembrou do início dos trabalhos e citou como exemplo o desenvolvimento pioneiro da cultivar de cenoura Brasília recomendada para o plantio de verão. Essa cultivar e outras tecnologias geradas durante esse tempo possibilitaram a expansão do cultivo de hortaliças por todo o Brasil, assim como a estabilidade de preços e a presença constante desses alimentos na mesa dos brasileiros.

Olhando para o futuro, Barbosa ressaltou que, assim como a sociedade e a agricultura passaram por transformações nas últimas décadas, a forma de fazer pesquisa também se alterou. Para ele, esse é o momento oportuno de se aproximar cada vez mais da cadeia produtiva, das associações de agricultores, buscando novas formas de financiamento de pesquisa.

Nessa mesma linha, o diretor-executivo de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa, Celso Moretti, disse que a instituição tem seguido a orientação do Ministério da Agricultura de atuar junto ao setor produtivo, ampliando as parcerias com as empresas privadas para atender a ampla missão da instituição. “De importador para um dos maiores produtores de alimento do mundo, o Brasil alcançou esse patamar com a presença da Embrapa. E essa unidade de pesquisa tem contribuído significativamente para o cultivo de hortaliças, assim como para geração de dividendos para a economia brasileira”, exemplificou.

Durante o evento foi apresentado o novo vídeo institucional da Embrapa Hortaliças que conta, sob a perspectiva da ciência, a trajetória das hortaliças para chegarem com qualidade até a mesa do consumidor.

O secretário nacional de Inclusão Social e Produtiva Rural do Ministério da Cidadania, José Roberto Cavalcante, foi categórico ao dizer que as pesquisas da Embrapa atingem 100% dos municípios e destacou as parcerias realizadas na área de produção de alimentos e de segurança alimentar. O secretário de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação do Ministério da Agricultura e presidente do Conselho de Administração da Embrapa, Fernando Camargo, afirmou que a Embrapa é motivo de orgulho. “O melhor exemplo do sucesso da Embrapa Hortaliças pode ser visto diariamente na mesa de todos nós”, ressaltou.

O chefe-geral da Embrapa Hortaliças, Warley Nascimento, falou das conquistas alcançadas recentemente pela instituição, que cada vez mais disponibiliza tecnologias para uma agricultura sustentável, como cultivares adaptadas às diversas condições climáticas do Brasil e sistemas de produção mais eficientes. Ele frisou que o consumidor atual está mais exigente e demandando hortaliças de melhor qualidade e, por isso, além das pesquisas voltadas para a obtenção de produtos mais saudáveis, os trabalhos visam à redução das perdas e o incentivo ao consumo.

Também estiveram presentes na solenidade o diretor de Política Agrícola e Informações da Conab, Guilherme Soria Bastos Filho; o secretário-adjunto da Secretaria de Agricultura do Distrito Federal, Luciano Mendes da Silva e a presidente da Emater/DF, Denise Fonseca. Ao todo, cerca de 150 pessoas entre empregos e convidados estiveram presentes no evento, que foi prestigiado por parceiros da extensão rural e assistência técnica, das instituições de ensino, de órgãos de governo e de empresas parceiras.

História e resultados: A Embrapa Hortaliças foi criada em 27 de maio de 1981 e hoje conta com mais de 220 empregados que atuam de forma multidisciplinar em diversas áreas do conhecimento como Agronomia, Botânica, Biologia, Engenharia Ambiental e Genética, Estatística, Ciência do Solo e Química.

As pesquisas são conduzidas com uma rede de parceiros estratégicos, de instituições públicas e privadas, e visam a adaptação de espécies de hortaliças à diversidade ecológica e climática do Brasil, o melhoramento genético focado no desenvolvimento de cultivares com maior índice de produtividade com resistência às principais pragas e doenças, entre outras linhas de atuação.

Dentro dos diversos resultados alcançados e disponibilizados para a cadeia produtiva, como cultivares mais eficientes no uso de insumos e de recursos naturais, a Embrapa Hortaliças dá suporte científico na formulação de políticas públicas setoriais como segurança alimentar e nutricional; e redução do uso de defensivos, com ênfase em pimentão e folhosas.

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Fonte: www.embrapa.br/hortalicas


Notícia de 10/06/2019.

Endereços:
Unidade de Contagem
Rodovia BR-040 km 688 - Kennedy
Contagem, MG, Brasil. CEP: 32.145-900
Telefone: (31)3399-2050

Unidade de Uberlândia
Rodovia BR-050 KM 76 - Segismundo Pereira
Uberlândia, MG, Brasil. CEP: 38.408-369
Telefone: (34)3234-1277

Unidade de Juiz de Fora
Avenida Doutor Simeão de Faria, nº 2525 - Santa Cruz
Juiz de Fora, MG, Brasil. CEP: 36.088-000
Telefone: (32)3222-5460

Unidade de Barbacena
Rodovia BR-040, km 698 - Caiçara
Barbacena, MG, Brasil. CEP: 36.204-666
Telefone: (32)3331-6242

Unidade de Caratinga
Rodovia BR 116, Km 529 - Nossa Senhora das Graças
Caratinga, MG, Brasil. CEP: 35.300-970
Telefone: (33)3321-7243

Unidade de Governador Valadares
Rodovia BR 116, Km 413 - Turmalina
Governador Valadares, MG, Brasil. CEP: 35.042-060
Telefone: (33)3221-2979



Copyright © - Todos os direitos reservados - Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A.
DETIN - Departamento de Tecnologia da Informação da CeasaMinas.